teste

Devocional Diário

Uma sala de espera pode tornar-se um dos lugares mais solitários do mundo. No tempo em que ali permanecemos nem sempre experimentamos virtudes como paciência, paz, sabedoria e confiança. São muitas as razões que nos levam à sala de espera: morte, enfermidade, problema financeiro, traição, separação e divórcio, violência familiar, desemprego, abandono etc. Nessas circunstâncias, frases como: “Deus tem um plano maravilhoso para a sua vida” e “Não desanimem, apenas orem e confiem, pois Deus é soberano” parecem não fazer muito sentido. É difícil entender por que Deus muitas vezes nos deixa numa longa espera, no silêncio, como se o tempo parasse. Duvidamos de sua bondade, pois, afinal, estamos sofrendo. O profeta Habacuque também viveu uma experiência marcante em uma sala de espera. Ele conviveu com violência, enfraquecimento da justiça, impunidade dos líderes e o triunfo do ímpio sobre quem desejava agradar a Deus. Como nós, ele também ansiava por respostas e dirigiu a Deus perguntas do mais profundo de sua alma. O livro de Habacuque traduz para hoje alguns dos mais profundos anseios do ser humano, como o de entender Deus quando seus caminhos não fazem sentido para nós. Deus, e somente Deus, é capaz de levar-nos do desespero à esperança. O desespero não precisa ser a nossa marca, embora o experimentemos, pois o mesmo Deus que Habacuque ouviu escuta a mim e a você. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.